Controle de ponto online pra gestão de jornada fixa e home office.

Sumário

O que é turnover e como diminuir essa taxa?

turnover

Diminuir a taxa de turnover faz parte de uma das principais metas do Rh das empresas brasileiras, isso porque a troca de profissionais tem um custo altíssimo, e o Brasil está como primeiro do ranking nesse movimento.

Dados de uma pesquisa, diz que as empresas brasileiras detêm o maior índice de turnover do mundo, chegando a 82%. No mesmo período a média mundial era de 38%.

Preocupante ainda mais, quando sabemos que a taxa ideal para o turnover é 5%. Por essa razão que esse tema é tão importante.

A elevação dessa taxa assusta, pois esse movimento tem um custo alto, pois demitir custa mais que contratar, então de acordo com os índices, o Brasil precisa reverter esse quadro.

Se sua empresa faz parte desse quadro, tem perdido dinheiro com esse movimento, aqui vamos te explicar, as principais razões e como proceder para diminuir o turnover, fique conosco.

Turnover, o que é e suas principais razões

O turnover é o movimento de saída e entrada de funcionários em uma empresa, ele é alimentado pelo pedido de desligamento e demissões.

O problema é que cada saída vai gerar uma entrada, então a empresa sofre em vários sentidos, mas o principal é na sua produtividade, pois esse novo colaborador demora um tempo para alcançar os padrões de produção exigidos. 

Uma pergunta seria: quais as razões para tanta rotatividade? Veja a seguir algumas razões para essa taxa elevadíssima.

1 – Clima Organizacional 

Uma das razões mais apontadas para que o turnover seja uma realidade é o clima organizacional ruim, isso faz com que os colaboradores percam o interesse de continuar trabalhando.

O que ocorre é que um clima ruim afeta diretamente a motivação, e quando o colaborador está desmotivado, ele perde a produtividade que leva ao risco de sua permanência.

2 – Falta de Treinamento


A falta de treinamento faz com a equipe seja despreparada e assim ela perde o poder de concorrer no mercado, e assim muitos são desligados por não saber atingir as expectativas de sua gestão.

Cada empresa tem seus valores, e se sua equipe não for bem instruída elas não podem nunca exercer o que se espera.

3 – Employee Value Proposition (EVP)

Aqui relacionamos a salários e benefícios, quando a empresa não atender as expectativas de sua equipe, a permanência dos colaboradores dura até a próxima proposta de emprego aparecer.

A insatisfação salarial faz com os seus profissionais fiquem olhando pela janela procurando outra oportunidade. Pagar abaixo do esperado é deixar sua equipe uma presa fácil para os concorrentes.

Poderíamos facilmente dizer: viu os pontos fracos? 

Faça diferente, mas vamos trazer algo mais formulado, continue a leitura              

Turnover, como diminuir

Sempre o melhor é prevenir, tem dado certo para os outros e pode ser seu caso também, então observe nossa lista a seguir.      

1 – Identifique as razões para os pedidos de demissões.

Para uma prevenção real é preciso que haja uma pesquisa dentro de sua realidade, aqui você encontrará exatamente o que sua empresa precisa melhorar.

Como aqui se trata de um feedback de alguém que já deixou a empresa, então a tendência é que eles retratem a realidade sem receio, pois não fazem mais parte do grupo.

2 – Analise bem a contratação

No processo de diminuir o turnover as contratações são relevantes, pois nesse contexto não se pode apenas analisar a competência técnica, e sim como o perfil do candidato se adequa a cultura da empresa.

É muito importante que o Rh tenha esse olhar, pois essa adequação é super importante para haja uma satisfação pessoal desse profissional.

Não dar atenção a esse ponto é gastar tempo, dinheiro e esforço numa pessoa que não terá vida empresarial longa.

Ter transparência nesse momento é um grande passo para uma futura parceria concreta.  

3 – Onboarding

Um bom plano para diminuir o turnover é saber recepcionar e inserir um novo profissional no clima da empresa.

O certo seria ter um plano de inserção que possa alinhar as expectativas desse funcionário e da empresa.

Um bom programa de onboarding começa por usar estratégias de endomarketing, com brindes personalizados com os valores da empresa, kits com material de trabalho para animar a começar a produzir.     

4 – Remuneração Compatível

Quando a empresa oferece uma remuneração justa, benefícios atraentes, o funcionário se sente bem cuidado, que a empresa o vê como uma pessoa que tem valor para seu projeto.

Os benefícios também ajudam nessa área, pois o funcionário se sente cercado de estímulos para se dedicar mais à vaga que preencheu.

Para oferecer um salário compatível, é importante ver como está o mesmo nível de profissional nos concorrentes.

Se sua empresa resolver ter um plano de remuneração competitivo além de reconhecimento ao profissional estará dificultando que ele receba propostas melhores de outras empresas.

5 – Qualidade de vida

A employee value proposition não deve ficar apenas no financeiro. A satisfação com as experiências no trabalho e seu relacionamento com a organização, tem grande peso quando se analisa o pedido de demissão.

Qualidade de vida entra aqui pois é um item que tem grande impacto nas expectativas dos profissionais, como também sua ausência leva a efeitos contrários.

Um dos fatores que mexe com a qualidade de vida do profissional, é o excesso de horas extras, isso afeta sua saúde, por isso sua empresa deve ter um bom sistema de controle de jornada, como o controle de Ponto Eletrônico TradingWorks.

6 – Plano de Carreira

O turnover é bem combatido quando a empresa mostra para sua equipe que tem um plano de carreira, todos querem crescer, uma empresa que aposta na sua equipe desenvolve um ânimo no grupo.

A perspectiva de crescimento é considerada pelos especialistas como um dos maiores impactos para a permanência dos colaboradores. 

Uma forma de crescimento é a qualificação do profissional, sempre que a empresa segue esse caminho passa a perspectiva de longevidade da permanência do profissional, é o mesmo de fazer carreira. 

Também vale dizer que quanto mais qualificado, melhor o profissional, assim o turnover por parte de empresa não tem necessidade.

7 – Feedback

Terminando essa lista de ações que ajudam a diminuir o turnover temos o feedback, é importante que a empresa tenha canais de comunicação que transmitam segurança aos seus colaboradores.

A falta de segurança faz com que muitos se calem, e por não ver ações pontuais sobre seus problemas resolvem partir.

Para que um funcionário tenha liberdade de falar o que sente, ele precisa ter a certeza que não sofrerá nenhum tipo de retaliação por suas declarações. Por vezes a empresa pode ter um problema de gestão na base de seu sistema que não seja identificado.

Então, sempre que a rotatividade tiver uma área específica, pode crer que ali precisa ter uma política de feedback seguro, pois nem sempre o problema é da equipe, pois pode ser de seu técnico.

Autor do conteúdo:

Edgar Henrique

Edgar Henrique

Chief Product Officer da TradingWorks e especialista em Gerenciamento de Projetos, BPM, Mapeamento de Processos, Scrum, PMP, Bizagi, CDIA+, Kofax, VB.NET, C#, VB6, SQL Server e MS Project.

Mais conteúdos do blog

rescisão indireta

O que é rescisão indireta?

Você sabia que a rescisão indireta é um direito de todo trabalhador brasileiro que venha passar por uma situação em que seus direitos estejam sendo

Leia mais »