Controle de ponto online pra gestão de jornada fixa e home office.

Sumário

As horas extras são uma vantagem ou desvantagem para sua empresa?

horas extras

As Horas extras, são amigas ou vilãs das empresas? Muitos empresários não sabem responder essa pergunta, e qual a sua opinião?

Caracteriza-se por qualquer período que ultrapasse a jornada de trabalho comum ao empregado.

É comum a preocupação com esse tema pois ele é recordista de questões trabalhistas nos tribunais.

A verdade que tem dias que o expediente se torna pequeno para as demandas da empresa, são em momentos assim que a equipe precisa ficar um pouco mais do horário habitual.

Esse tempo que extrapola a jornada diária deve ser compensado de forma financeira ou por meio de folga em horário semelhante.

É nessa contabilidade e compensação que empregados e empresas entram em choque.

Se você é gestor de uma empresa e tem essa dúvida, fique conosco até o final e vai compreender melhor sobre o assunto.

Horas extras, como funciona.

Quando uma empresa contrata um funcionário, ela faz um acordo entre ambos, os detalhes deste acordo devem ser colocados no contrato de trabalho.

Entre os detalhes deste contrato está a jornada de trabalho, que nada mais é que a quantidade de tempo diário que esse trabalhador ficará a disposição da empresa.

De uma forma bem prática, é correto afirmar que o empregado vende parte de seu dia para servir a empresa empregadora.

Então, diante desse contrato o colaborador deve permanecer o tempo determinado a disposição da empresa, esse tempo é chamado de jornada diária de trabalho.

Agora que você entendeu bem o que é jornada diária, vamos trabalhar o conceito de horas extras.

De acordo com a CLT, a jornada comum no Brasil são 8 horas por dia, nesse contexto, as horas extras, são qualquer tempo que ultrapasse a jornada de trabalho.

Se um dia perto de finalizar a jornada, for solicitado ao funcionário que trabalhe 1 hora a mais que o combinado em contrato, esse tempo é considerado hora extra.

Quando a empresa não adota o sistema de banco de horas, no qual o excedente contratado é compensado com folgas em dias programados, essa prática exerce um impacto negativo nos caixas.

Pois, em geral, cada hora extra exercida no turno diurno deve ter um acréscimo de 50% sobre o valor normal.

Se um funcionário recebe R$ 15,00 por hora de trabalho, se fizer 1 hora extra receberá por esse tempo R$ 22,50 com o acréscimo de 50%.

A legislação brasileira também fixa que a quantidade de horas extras a serem permitidas por dia não pode ultrapassar a 2 horas diárias.

Outra questão que deve ser comentada é são demandas excepcionais, que fujam do controle da gestão, por isso não pode ser costumeiro.

Agora vamos trabalhar as vantagens de desvantagens que a empresa pode ter na prática.

Horas Extras: Vantagem ou desvantagem, para a empresa?

É importante mais uma vez lembrar que nosso tema está voltado para a empresa, não vamos aqui nos deter aos colaboradores, esse é tema de outro artigo.

Quais as vantagens para empresa

  • Horas extras é uma atividade legal, então não é errado que a empresa utilize.
  • Não tem quebra do ritmo de trabalho
  • Ajuda o funcionário, existem aqueles que gostam, de ganhar um extra no fim do mês

Quais as desvantagens

  • Horas extras interferem diretamente nos caixas da empresa 
  • Seus pagamentos vão incidir no 13º e Férias do colaborador
  • Excesso de horas extras é indício de má administração
  • Excesso de horas extras afeta a saúde da equipe de trabalho
  • Problemas com o controle das horas extras

Você já viu aqui que segundo a legislação brasileira as horas extras devem ser pagas pelo menos 50% a mais que as horas normais.

Ainda existe a possibilidade de haver acordos sindicais que eleve esse percentual, então os valores podem aumentar ainda mais.

Quando uma empresa sempre está solicitando de sua equipe horas extras, mostra que tem um problema administrativo, se existe demanda deve-se aumentar o quadro de funcionários.

Ou, pode está sendo mal direcionada, ao ponto da equipe trabalhar para que exista a necessidade de horas extras constantemente.

O excesso de horas extras pode trazer problemas de saúde a equipe, imagine que além das 9 horas que se passa na empresa, sempre ficar mais 2 horas extras, pode levar a estafa. 

Por fim, as horas extras devem ser bem controladas, e seus colaboradores devem ter conhecimento disso, por isso é importante ter um bom controle de ponto.

O Controle de Ponto Eletrônico da TradingWorks não deixa dúvidas em sua equipe sobre sua jornada de trabalho, acesse e solicite um teste grátis.

Vantagem ou Desvantagem

Para uma situação pontual, sempre é bom agir dentro dos rigores da lei, e para demandas especiais as horas extras são sempre a melhor opção.

Porém, quando esse expediente se torna frequente, é bom analisar se existe espaço para o aumento da equipe de trabalho.

Já que você viu aqui, que excesso de trabalho não faz bem a ninguém, existem até estudos que alertam para acidente de trabalho que resultam da estafa dos profissionais em horas extras constantes.

Portanto, horas extras devem cumprir o propósito para qual foi criada. Que no caso era cobrir demandas que fugiram ao controle dos gestores.

Mesmo hoje com a flexibilidade de bancos de horas, você deve perceber que esse expediente traz complicações futuras. 

Mesmo que o banco de horas flexibilize acordo deverá ser acertado, e talvez mais rápido que o combinado.                                                                                                                                                                    

Por isso minha resposta é que as horas extras são desvantagens para empresa, não, que não deva existir, mas que é bom ter uma política interna sobre horas extras.
Sempre conte com um bom sistema de Controle de Pontos Eletrônico da TradingWorks com ele empresa e funcionários estão seguros.

Autor do conteúdo:

Edgar Henrique

Edgar Henrique

Chief Product Officer da TradingWorks e especialista em Gerenciamento de Projetos, BPM, Mapeamento de Processos, Scrum, PMP, Bizagi, CDIA+, Kofax, VB.NET, C#, VB6, SQL Server e MS Project.

Mais conteúdos do blog